Segurança psicológica: como garantir a saúde mental do seu time por Paulo Alvarenga (P.A.)

Quer receber notícias do Portal Saúde pelo whatsapp? Clique aqui

Se você é líder, empreendedor, gerente, profissional de RH ou colaborador de um tempo, uma coisa é certa: todos vocês trabalham para obter resultados e atingir metas.

 

O problema começa quando bater metas se torna uma única pausa em questão, uma única razão de existir, quando o foco da gestão de pessoas é única e garantir resultado.

 

E é exatamente sobre isso que quero falar com você que estou acompanhado aqui no Portal Internacional de Saúde.

 

Você sabe identificar se o seu ambiente profissional é tóxico ou saudável?

 

Esqueça qualquer cargo ou título que você tenha nesse momento e reflita: será que a sua empresa é um clube do terror? 

 

A ideia de segurança psicológica é fazer com que as pessoas de um tempo sintam que podem correr riscos, em coisas simples como pedir ajuda, propor uma ideia ou reconhecer que não sabe algo. 

 

Quando o ambiente pune contabilidade de vulnerabilidade, ele acaba reforçando a ideia de que é sim um ambiente tóxico.

 

Por mais que exista uma disseminação de boas práticas na gestão de pessoas e tenhamos evoluído muito nos últimos anos, ainda existem muitas empresas com um ambiente organizacional ruim.

 

E hoje, mais do que nunca, num cenário pós-pandemia, há uma propagação de chefes e ambientes tóxicos.

 

É por isso que quero usar-lo numa jornada onde você se sinta capaz de identificar se está ou não em um ambiente tóxico.

 

Você sabia, por exemplo, que empresas que possuem um alto nível de engajamento, apresentam melhores resultados do que aquelas com ambientes tóxicos?

 

É preciso compreender são quais as dores e os custos que o baixo engajamento gerado por ambientes hostis criam ao longo do tempo. A consultoria Gallup disse os seguintes resultados:

 

  • Empresas com engajamento têm lucratividade 22% maior
  • Produtividade 21% maior
  • de 25% a 65% menos rotatividade 
  • 37% em queda de absenteísmo
  • 48% menos incidentes no trabalho

 

Se olharmos para diversas pesquisas feitas nos anos, todas apontam para um cenário alarmante quando se trata de segurança psicológica:

 

  • 75,3 mil pessoas foram afastadas do trabalho em 20.219 por causa da depressão, o que representou 37,8% das licenças motivadas por transtornos mentais

 

  • 51 bilhões em absenteísmo é o que custou os problemas para questões emocionais

 

  • 1 trilhão de dólares é o custo anual à economia global gerada por transtornos mentais como ansiedade e depressão

 

É muito importante que cada um de nós tenha consciência do lugar em que está. Veja mais alguns indícios de um ambiente tóxico:

 

  • Controle
  • Exploração das pessoas
  • Foco no curto prazo
  • Manipulação
  • Fofocas
  • Silos / panelinhas
  • Trabalho excessivo
  • Ausência de cooperação
  • Discriminação (de diversos tipos)
  • Centralização de informações
  • Sarcasmo
  • Burocracia
  • Hierarquia rígida
  • Punição ao erro e iniciativas
  • Centralização de poder

 

Se você busca um ambiente com transparência, seja você líder ou liderado, em que se pode errar, expressar suas ideias e simplesmente ser você mesmo, sem medo, punição, não perca os próximos artigos.

 

Para descobrir mais clique aqui e fale com um dos meus consultores.

https://api.whatsapp.com/send?phone=55%2011%2094508-5063

 

Um abraço, 

 

Paulo Alvarenga (PA)

CEO e fundador da Mastersoul

 

Redação

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

Next Post

Como controlar a ansiedade na quarentena por Katherine Maurente

Tue Feb 9 , 2021
Quer receber notícias do Portal Saúde pelo whatsapp? Clique aqui Fique longe da geladeira em momentos de ansiedade e euforia Em momentos de ansiedade, é comum que a geladeira seja a primeira vítima. As alterações de humor podem comprometer a capacidade de moderação de um indivíduo. Abrir a geladeira para […]